Dr. Rodrigo Peres
Dr. Rodrigo Peres
Fisioterapeuta Coordenador da Central da Fisioterapia
Crefito: 3/50650-F
Conheça a Central da Fisioterapia
Fisioterapeuta Tratamentos Dicas Na Mídia Fale com o Dr. Rodrigo layout separação

Dicas de Fisioterapia e saúde para evitar a Obesidade Infantil

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), a Obesidade Infantil tornou-se uma epidemia que faz as crianças recorrerem a medicamentos e tratamentos que deveriam ser apenas para adultos. É um dos maiores problemas de saúde pública no Brasil, de acordo com pesquisa, há aproximadamente 42 milhões de crianças com sobrepeso em todo mundo, sendo que 35 milhões vivem em países em desenvolvimento, como o Brasil.

Com a vida agitada que os pais levam, saindo para trabalhar bem cedo e voltando no fim da tarde, muitas vezes preparando refeições rápidas que podem não fornecer os nutrientes necessários, os hábitos alimentares de muitas crianças acabam mudando e ficando desregrados. A alimentação infantil fica baseada em fast foods (lanches extremamente gordurosos), refrigerante, bala e bolachas recheadas, que não oferecem nenhum benefício à saúde das crianças.

A Obesidade Infantil não é um problema estético, mas sim de saúde, comportamental e psicológico, crianças obesas sofrem bullying por parte dos colegas, e desenvolvem diabetes, doenças cardíacas, hipertensão, além de má formação no esqueleto, podendo gerar lesões ósseas e nas articulações.

Acompanhe algumas dicas de fisioterapia e saúde para evitar a Obesidade Infantil:

• É muito importante, para que o bebê não se torne uma criança obesa, que o aleitamento materno seja feito até os seis meses, ou seja, do nascimento aos seis meses do bebê, alimente-o apenas com o leite materno. Após este período, inicie uma dieta com frutas, legumes e carnes magras;

• Com um ano, a criança já pode seguir a dieta dos pais, porém não se esqueça de que o estômago dela é menor que o de um adulto, devendo comer menores porções;

• Não alimente a criança com produtos industrializados. Faça uma dieta a base de lanches e sucos naturais, frutas, iogurtes e pães integrais;

• As refeições principais: café da manhã, almoço e janta, não podem ser puladas. Organize-se para que elas sejam feitas todos os dias no mesmo horário e, no intervalo entre elas, faça o lanche da manhã, lanche da tarde e lanche da noite;

• Caso a criança já esteja acima do peso, procure orientação de um profissional nutricionista, ele passará uma dieta de reeducação alimentar, de acordo com a idade e necessidade da criança;

• Incentive a criança a praticar alguma atividade física como jogar bola, andar de bicicleta ou nadar, faça atividades recreativas que exijam movimentação de todo o corpo, assim a criança não fica sedentária e ao mesmo tempo as lesões nos ossos e articulações são prevenidas.

O sobrepeso faz com que as articulações recebam muito impacto, principalmente no caso das crianças, que estão em desenvolvimento. Além disso, a falta de uma atividade física deixa as estruturas ósseas e articulares frágeis, podendo causar lesões. Nestes casos, a fisioterapia ortopédica atua na reabilitação de lesões como fratura, luxação, ruptura de ligamento e inflamações articulares. Através dos exercícios, o fisioterapeuta tem o objetivo de melhorar a força muscular e flexibilidade, assim como estabilizar a articulação da área afetada.

 

 

Obrigado pela leitura!

Dr. Rodrigo Peres

Vídeos
Vídeos
Fotos
Fotos
Logo Central da Fisioterapia layout Home Tratamentos Dicas Na Mídia Vídeos Fotos Fale com o Dr. Rodrigo Desenvolvido por
Evernet - www.evernet.com.br