Dr. Rodrigo Peres
Dr. Rodrigo Peres
Fisioterapeuta Coordenador da Central da Fisioterapia
Crefito: 3/50650-F
Conheça a Central da Fisioterapia
Fisioterapeuta Tratamentos Dicas Na Mídia Fale com o Dr. Rodrigo layout separação

Dicas de como evitar lesões na panturrilha

A panturrilha deve ser adequadamente alongada e fortalecida, para que futuras lesões sejam evitadas. Popularmente conhecida como “batata da perna”, ela é uma dupla musculatura que fica localizada na parte de trás da perna inferior. Além de ser exigida nas práticas esportivas, uma de suas principais tarefas é bombear o sangue, que circula na região inferior, para o coração.

A falta de preparo físico nessa região pode ocasionar lesões das mais variadas intensidades. Os problemas nem sempre ocorrem em ambientes esportivos. Há casos em que mulheres que utilizam salto alto sofram desconfortos nesses músculos, com as mais variadas intensidades. Em outras situações, a temperatura poderá promover tais dores, assim como fadiga, má circulação sanguínea etc.

O grau da lesão é que determinará as limitações do paciente. Alguns podem ter que reduzir a utilização da panturrilha; outros, podem precisar de auxílio como muletas e/ou cadeira de rodas; nos casos mais sérios, é preciso repouso absoluto ou intervenção médica, para que se recupere.

A Fisioterapia contribui para melhorar o estado físico da panturrilha de pacientes lesionados. São utilizadas técnicas que fortalecem essa região. É possível, porém, que os desconfortos sejam evitados.  Com medidas simples, que podem ser praticadas diariamente e em qualquer lugar, dificilmente as dores nessa região surgirão.

Veja as dicas de como evitar dores na região da panturrilha:

  • No menor sinal de dor na panturrilha, reduza o nível de stress nesse local;
  • Em pequenas distensões, encurte a intensidade dos impactos com que essa região é exigida e diminua a intensidade dos exercícios;
  • Faça atividades que requerem menos da panturrilha;
  • Realize alongamentos antes de praticar esportes, cujo esforço é maior nos membros inferiores.

Em casos mais sérios, não deixe de realizar consultas médicas ou fisioterapêuticas.

Obrigado pela leitura!

Dr. Rodrigo Peres

Vídeos
Vídeos
Fotos
Fotos
Logo Central da Fisioterapia layout Home Tratamentos Dicas Na Mídia Vídeos Fotos Fale com o Dr. Rodrigo Desenvolvido por
Evernet - www.evernet.com.br